novembro 23, 2011

HORROR ou breve estudo sobre a paralisia


concepção, direcção e espaço cénico John Romão
textos Mickael de Oliveira
interpretação Bernardo Rocha, João Folgado, Mariana Tengner Barros, Miguel da Cunha
desenho de luz José Álvaro Correia
música Daniel Romero (.tape.)
colaboração coreográfica Elena Córdoba
colaboração de vestuário Carlos Sáez Ripoll
acompanhamento crítico Paulo Raposo
fotografias Susana Paiva
co-produção Colectivo 84 / Penetrarte, TNDMII
O Colectivo 84/Penetrarte é uma estrutura subsidiada pela Secretaria de Estado da Cultura - Direcção Geral das Artes




SINOPSE
"Quatro jovens perdidos no bosque interrogam a capacidade que temos de paralisar a criação de utopias urgentes e de nos tirar o sono, ao revelar-nos em excesso, em nome da ideologia do progresso e do lucro, os mistérios da fé e do corpo. Em cena, corpos vibrantes de uma energia alucinante, corpos trágicos e festivos, oferecem uma incursão pela impossibilidade de nos tornarmos ingénuos perante um cenário político e económico decadente. Edificamos a legitimidade de uma utopia da ingenuidade, não a dos sonsos, mas a dos que procuram regressar a um estado animal e preferem explicado, antes da teoria do gang bang, a origem do universo. Ou viver simplesmente uma longa amnésia."


TAGV . COIMBRA
Qui. 24 · Nov · 2011 [21h30]

Sem comentários: